segunda-feira, 23 de abril de 2018

Apelo.



Não nos ensinaram nas nossas gloriosas Escolas Militares a “difícil arte” de fazer política! Não nos ensinaram a ser malandros; não nos ensinaram a ser covardes, nem a obedecer a tudo, cegamente! – Ser indisciplinado não é negar homenagens a esses canalhas que nos envergonham tanto! Quantas e quantas vezes severamente me acuso de havermos traído a confiança que o povo brasileiro nos depositou, para depois, covardemente, entregar o ouro aos bandidos. De deixarmos de ser nós mesmos, para nos deixar submissos aos caprichos de meia dúzia de bandidos, que já se apoderaram dos nossos corpos e agora querem se apoderar das nossas almas! Que vergonha! Depois de havermos passado uma vida inteira aprendendo, dizendo, afirmando, gritando que a verdade deveria ser a base de todo o nosso caráter; a base de todas as nossas relações, tanto com os nossos subordinados, quanto aos nossos filhos, as nossas famílias, aos nossos amigos, para depois ficarmos reféns da descrença, aceitando conviver com a corrupção, com a desordem, com a mentira! Não sei quantos dos senhores já tiveram a oportunidade de expor sem medo seus pensamentos; sei que não é fácil. Certa vez eu o fiz. – Sempre fui individualista! -- Lancei-me de peito aberto contra os desmandos de um presidente da república! Eu era então um simples coronel! E sozinho, eu e minha solidão, enfrentei quinze dias de prisão sem fazer serviço. Por isso eu vos peço: - - Avante, Comandantes! Os senhores não estão sós! O Brasil inteiro acredita e apela por vocês...

Coronel Maciel.


2 comentários:

Anônimo disse...

Ué? Mudou de idéia quanto ao refrão "intervenção nunca mais"?? Rsrsrsrs...

Me diga velha ave de rapina: ainda acreditas (de fato) nos teus coma-andantes? Eu te confesso que não deposito a mínima confiança em tais velhacos. Não pela idade, é óbvio, mas pela inclinação destes senhores em aceitar certos confortos do cartão corporativo em troca de abrir mão de proteger a pátria.

Sou de apostar uma geladinha contigo que se o povo (milagrosamente) decidisse quebrar o pau em Brasília, teus coma-andantes seriam os primeiros a postarem tropas para protegerem os togados e engravatados do alto escalão mafioso da nação.

Duvidas?

Flavio PALMA LIMA disse...

CARO CORONEL MACIEL. MUITAS VEZES NA CALADA DA NOITE NO MEU QUARTO ESCURO, PENSO... SERÁ QUE SE O POVO, AO INVÉS DE IR PARA AS RUAS, FOSSE PARA A PORTA DOS QUARTEIS, PEDIR, CLAMAR E IMPLORAR QUE OS COMANDANTES DAS FFAA PROMOVAM A INTERVENÇÃO MILITAR CONSTITUCIONAL QUE A MUITO TEMPO SE FAZ NECESSÁRIA, SURTIRIA O EFEITO QUE TODA A NAÇÃO TANTO ESPERA? NÃO QUERO ACREDITAR QUE NÃO ESTÃO PERCEBENDO QUE, SE NADA FIZEREM, ESTAMOS CAMINHANDO PARA UMA CATÁSTROFE INIMAGINÁVEL NO PAÍS, E OS HOMENS DE BEM SERÃO ELIMINADOS SUMARIAMENTE PELOS BANDIDOS QUE TOMARÃO A FRENTE DO PODER, A EXEMPLO DO QUE ACONTECEU EM CUBA E ACONTECE HOJE NA VENEZUELA. QUAL É A OPINIÃO? ABRAÇO. FLÁVIO